Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Até hoje, dia 8 janeiro 2014, como Presidente República, Primeiro Ministro e Ministro das Finanças, Cavaco Silva está no poder há 6908 dias (18 anos e 339 dias). .

Agora temos, ao menos, este auxílio: Um relógio com a contagem decrescente para a libertação final!!

Agradecemos ao CDS-PP ter dado a ideia do relógio com contagem decrescente!

Este contador assume que o mandato de Cavaco terminará a 29 de Fevereiro de 2016 (para nosso azar, 2016 é ano bissexto)


Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

 



Livros recomendados Amazon.co.uk (kindle edition)


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D





A "recuperação" europeia, vista por Krugman

Sábado, 17.08.13

Para ler aqui

Autoria e outros dados (tags, etc)

por sitiocomvistasobreacidade às 08:55

A destruição da escola pública

Sexta-feira, 09.08.13

 

 

Escola Secundária da Maia

 

Feita em silêncio... Ao ler estas notícias lembro-me das "esquerdas" que atacavam Sócrates, até por renovar o Parque Escolar, ou por alargar o funcionamento das escolas. Agora depois de ajudarem a colocar esta gente no poder, têm a resposta esperada:

Crato quer escolas a identificar pessoal excedentário

Caos instalado nas escolas ainda sem fim à vista

Governo abre a porta ao cheque-ensino no básico e secundário 

 

O Blogue "Ladrões de Bicicletas" apresenta uma boa explicação do que está em causa com o cheque-ensino. Para ler aqui.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por sitiocomvistasobreacidade às 12:50

A Anatomia de um golpe

Segunda-feira, 05.08.13

Artigo de Nicolau Santos, hoje, no site do Expresso

 

"Revejo o excelente documentário que Pedro Coelho realizou para a SIC sobre o BPN, com o título "Anatomia de um golpe".

No final de um dos episódios, depois de ouvidos três especialistas em off-shores, que garantem que mesmo quando o dinheiro se escapa por estes paraísos financeiros fica sempre um rasto, é colocada a pergunta decisiva: qual a razão misteriosa pela qual as autoridades não vão atrás deste dinheiro, preferindo antes esperar pelo final de um morosíssimo processo judicial aparentemente infindável?

Mais uma vez se constata que Oliveira e Costa convidava amigos a quem vendia acções a um preço X e se comprometia a recompra-las passado dois ou três anos pelo dobro ou triplo do valor. E mais uma vez se constata que de políticos a empresários, a esmagadora maioria dos convidados para a festa era tudo gente ligada ao PSD. Dias Loureiro, Joaquim Coimbra, Alberto Figueiredo, Francisco Sanches estiveram mesmo ligado à administração. Cavaco Silva e Rui Machete foram duas personalidades que tiveram lucros significativos com o investimento que foram convidados a fazer.

Sabe-se já que houve muita gente que recebeu financiamentos que nunca pagou e quem tenha feito excelentes mais-valias com a compra e venda de acções: 150% ou mais do que tinha investido. É bom que essas pessoas percebam que os financiamentos que não liquidaram e as mais-valias que embolsaram estão agora a ser pagas pelos contribuintes. Mais de quatro mil milhões de euros. Um escândalo sem precedentes. Como lembrava recentemente Silva Lopes, o BPN está a custar muito mais ao país que Alves de Reis e Jorge de Brito juntos".

É por isso inadmissível este "laissez faire" por parte das autoridades judiciais, que cinco anos depois de iniciado o processo, mantém apenas Oliveira e Costa em prisão domiciliária e não conseguem identificar os que beneficiaram de empréstimos fraudulentos e conduziram à implosão do banco.  
Um banco que tinha na administração uma pessoa com o apelido de Fantasia e outra com o apelido de Caprichoso só podia acabar mal. É lamentável que o Banco de Portugal não tenha conseguido evitar a falcatrua. Mas é inadmissível que as autoridades judiciais não tenham conseguido até agora meter mais uns quantos senhores na prisão e recuperar grande parte dos 4000 milhões que os contribuintes estão a pagar para evitar a falência de um banco que não tinha qualquer salvação e que é sobretudo um caso de polícia. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por sitiocomvistasobreacidade às 15:26

A reforma do IRC e a reforma da TSU (Parte III)

Quinta-feira, 01.08.13
Para os leitores que acharam que haveria um certo exagero na comparação da reforma do IRC agora proposta, com a reforma da TSU proposta em Setembro de 2012 (ver anteriores posts aqui e aqui), deixo o vídeo da entrevista de Silva Lopes, ontem na SIC Notícias.

Conforme diz a SIC: "O economista e ex-ministro das Finanças José Silva Lopes diz que a baixa do IRC, tal como está prevista pelo Governo, é uma medida idêntica à da TSU apresentada em Setembro do ano passado. Vai beneficiar muito as grandes empresas e obrigar as famílias portuguesas a pagar mais IRS para compensar a perda de receita do Estado".

 

O economista Silva Lopes é taxativo: "Isto é tão grave ou talvez ainda mais grave que a TSU".

Autoria e outros dados (tags, etc)

por sitiocomvistasobreacidade às 15:18








Comentários recentes

  • Joao Saturnino

    Parabéns pelo seu blog, especialmente por este "in...

  • Frango Zappa

    Quanto custa o Mario?

  • E os Homens da Luta, por onde anda essa gente? E a...

  • cheia

    Tantos erros, e nem um culpado!

  • MCN

    O problema é a raqzão porque Afonso Camões não diz...



subscrever feeds